A oitava edição do Surf at Lisbon Film Fest (SAL) está confirmada: o festival de cinema de surf regressa ao São Jorge em Novembro com catorze sessões.

O sétimo festival de cinema de surf de Lisboa não se faz apenas de longas metragens. Este ano há 36 curtas sobre histórias de ondas e drops no Cinema São Jorge.

A sétima edição do SAL - Surf At Lisbon Film Fest arranca hoje no São Jorge. A sessão de abertura está marcada para as 21:30 com um filme português.

Em ano de décimo-quinto aniversário, o programa da Antena 3 vai saltar dos estúdios da rádio para o São Jorge, com uma gala cheia de convidados especiais.

O Universo Conjuring acaba de receber, de braços bem abertos, uma prequela que nos explica a origem da freira maldita. Mas há mais sustos que história.

Terror e gastronomia nem sempre andam de mãos dadas, mas a Zomato e a organização do MOTELX querem mudar isso e vão oferecer cinco bilhetes duplos.

Mas nem só de filmes vai viver o IndieLisboa 2018. O festival vai contar ainda com cine-concertos, oficinas para crianças e debates sobre cinema.

Com uma componente muito forte de sátira social, esta gala organizada por Fernando Alvim e pela sua produtora Cego, Surdo e Mudo vai atribuir prémios em várias categorias.

«São seis incríveis vidas com uma história muito pessoal para contar. A beleza do Conta-me Tudo é mostrar um lado diferente e íntimo de pessoas de quem já temos uma determinada imagem associada», dizem os organizadores.

Este festival de animação vai levar 500 filmes às salas do Cinema São Jorge, Cinema Ideal, Cinema City Alvalade e Cinemateca. Cuidado com a Monstra!

A quarta edição do Play vai chegar a Lisboa em Fevereiro e traz na bagagem traz longas metragens como Louis e Luca – A Grande Corrida do Queijo.

O portuense PZ está de volta aos singles (e ao pijama), desta vez com um tema que vai fazer parte do seu novo álbum