Heineken revoluciona conceito do restaurante Terraço do Marquês

O antigo quiosque do Parque Eduardo VII deu lugar a um bar-esplanada, onde a carne e os petiscos são os protagonistas de um espaço com carimbo da cerveja Heineken.

Com uma vista sobre sobre o Marquês de Pombal, onde se pode ainda espreitar o Tejo, o Terraço do Marquês mostra-se agora com um visual totalmente renovado: quem visitar agora este espaço vai encontrar um terraço «agradável e cosmopolita com localização privilegiada», petiscos variados, «a melhor carne do mundo» e, no bar, a cerveja Heineken.

A carta apresenta opções diversas para petiscar, tais como Ceviche, Gambas, Batatas Bravas, Pimentos Padrón Salteados ou Tábuas de Queijos e Enchidos, oferecendo também Saladas, Massas e uma variedade de Peixe.

No entanto, a carne surge como a protagonista desta ementa. De origem espanhola, temos a carne Txogitxu (considerada a melhor do mundo pela revista francesa Beef), Entrecote, Chuletón ou Eisbein.

O menu de bar, além da cerveja Heineken, tem também uma carta de vinhos, gins e alguns clássicos, como um Cosmopolitan, Bloody Mary ou Long Island Ice Tea. Nas sobremesas, as estrelas são o bolo de chocolate, a tarte de lima e a fruta da época.

O Terraço do Marquês está aberto diariamente, das 12 às 2 horas, com excepção de domingo, que abre às 13 e mantém o horário de encerramento habitual.

O novo espaço tem capacidade para cerca de 130 lugares sentados; a esplanada é a única área onde se pode fumar e onde podem permanecer animais. De acordo com a Zomato, o preço médio para duas pessoas é de 40 euros.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].