De pequenino é que se torce o pepino. E os outros vegetais todos!

Depois de vários pedidos de leitores, a autora Gabriela Oliveira lança finalmente o livro Cozinha Vegetariana para bebés e crianças.

A apresentação do livro decorreu na Fnac do Centro Comercial Colombo, com uma plateia cheia de leitores e entusiastas da cozinha vegetariana.

Segundo Gabriela Oliveira este é um livro bom, não só para os pais vegetarianos, mas também para quem tem «crianças com intolerâncias alimentares» e até para quem simplesmente «não quer usar açúcar refinado nas receitas».

Entre as receitas existem purés, papas, cremes bolos sem glúten e bolachas sem açúcar. Nenhuma das receitas do livro leva açúcar e a autora recomenda que o sal só seja utilizado a partir dos 12 meses.

O livro (editora Plural, Grupo Bertrand, 18,80 euros) é baseado em estudos e tem fundamentações científicas, assim como tabelas para servirem de guias dos nutrientes. Todas as receitas têm indicação sobre a partir de que idade podem ser dadas aos mais pequenos, assim como a sua importância nutricional.

Durante o lançamento, Gabriela Oliveira afirmou que as crianças podem ser vegetarianas e vegan, e que este livro permite aos pais tomar esta opção para fazê-lo com confiança e segurança.

A apresentação contou ainda com a presença e apoio da médica pediatra Joana Appleton Figueira, da locutora da M80 Bárbara Guevara e de Joana Neves, editora do livro.

Cozinha Vegetariana - apresentação

Além de 150 receitas ilustradas, o livro conta com muita informação e sugestões de menus, quadros nutricionais e indicações para introduzir os alimentos nos primeiros anos de vida. As receitas são 100% vegetarianas e incentivam as crianças a apreciar os legumes e a despertar hábitos saudáveis em toda a família, «com grandes benefícios para a saúde e o planeta».

O TRENDY teve ainda a oportunidade de conversar com Gabriela Oliveira e aproveitou para colocar três questões à autora. Aqui fica a nossa mini-entrevista!

O livro Alimentação Vegetariana Para Bebés e Crianças foi um sucesso. Por que sentiu necessidade de fazer a actualização?
Estava na hora de editar um livro destinado a este público, dentro da mesma linha e da mesma colecção. Receitas novas com novos ingredientes porque agora há mais e mais pormenores sobre a nutrição e acima de tudo sem açúcar.

Houve mais investigação para este livro, teve de actualizar os seus conhecimentos?
É necessária uma actualização constante, mas à parte disso tentei que respondesse às dúvidas que os leitores iam enviando. Combinação de ingredientes, como fazer quando apenas um dos pais é vegetariano. Resolver as questões em relação às escolas que têm apenas alimentação tradicional.

Como tenta contornar a questão da vitamina B12?
No livro há um tópico que fala sobre a suplementação dos bebés e crianças, adaptada às crianças vegetarianas e especifiquei os cuidados extra. Não rejeito os suplementos porque fazem parte da recomendação médica para todas as crianças a partir dos seis meses a um ano. No entanto, uma criança que ainda se alimenta de leite suplementado com essa vitamina, não precisará de mais um suplemento.

Márcia Campana
Começou como jornalista em 2011 na revista PCGuia e em 2013 tornou-se editora do programa de televisão LOGIN PCGuia. É apaixonada por novas tecnologias e adora moda e decoração. As suas outras paixões incluem os animais, bons restaurantes e, como a maioria das mulheres, sapatos!