Acordo de licenciamento da marca Go Natural custa três milhões à Sonae

por • 5 Dezembro, 2016 • Marketing e NegóciosComentários fechados em Acordo de licenciamento da marca Go Natural custa três milhões à Sonae526

A Sonae anunciou a compra da marca Go Natural, conhecida pelos seus restaurantes de comida saudável e biológica. O objectivo é criar uma cadiea de supermercados com este nome e o primeiro abre já amanhã em Lisboa.

Embora dependente da «obtenção de um conjunto de acordos com terceiros», de acordo com a notícia da Marketeer, o negócio foi mesmo para a frente e dá à empresa de Belmiro de Azevedo o controlo total dos destinos da Go Natural, com 51% de participação.

Segundo fonte da Sonae, a compra da Go Natural foi feita por valores a rondar os três milhões de euros, o que está em linha com o volume de negócios registado pela marca de restauração em 2015: cerca de 6,4 milhões de euros, um valor avançado pela Marketeer.

Actualmente, a Go Natural está presente em vários centros comerciais, com uma rede de vinte restaurantes que disponibilizam refeições de sushi, wraps, sopas e outros alimentos biológicos e saudáveis.

Com esta compra, a Sonae vai poder apostar ainda com mais força na fatia de mercado que pertence à saúde e bem estar, onde já conta, por exemplo, com as farmácias Well’s.

O primeiro passo deste negócio vai ser visível já amanhã, na Avenida 5 de Outubro 85, em Lisboa, onde vai abrir o primeiro supermercado Go Natural. Aqui vai ser possível encontrar «produtos saudáveis, biológicos e dietéticos, alimentos adequados a pessoas com restrições e intolerâncias alimentares, bem como suplementos, vitaminas e nutrição desportiva», diz fonte desta marca.

A Sonae entra, assim, em concorrência directa com os supermercados Celeiro que, embora tenham lojas de rua (como o da Avenida da República, também em Lisboa) também estão abertos nos centros comerciais e galerias da… Sonae, como acontece no Colombo ou no Continente da Amadora.

O grupo Go Well, que agora passa a ter apenas 49% do capital da Go Natural, é ainda detentor do restaurante asiático Miss Jappa (com Anna Lins a chefiar a cozinha de ambos) e da pizzaria The Cut.

Artigos Relacionados