Bolt estreia-se na entrega de refeições e tem taxa de entrega grátis em todos os restaurantes

©Bolt Food Portugal
©Bolt Food Portugal

O serviço de entrega de refeições Bolt Food estreou-se o ano passado na Estónia e o alargamento a mais países estava garantido em 2020. Lisboa é a primeira cidade a receber o serviço.

O processo de recrutamento de estafetas para aquela que será a nova plataforma de entrega de refeições em Portugal, a Bolt Food, começou em Março, quando a marca começou publicar anúncios no Facebook para angariar entregas: «Ganhe dinheiro estar com a Bolt Food! Pagamentos semanais».

Agora, quase meio ano depois de ter iniciado a contratação de funcionários e a angariação de restaurantes, a Bolt Food começou a fazer entregas em Lisboa. Se já tiver a aplicação Bolt de TVDE, os dados de pagamento serão importados de forma automática – basta apenas fazer login com o número de telefone e introduzir o código enviado por SMS.

Pizzarias, italianos, hamburguerias e asiáticos

Na lista dos restaurantes parceiros, em Lisboa, podemos encontrar, principalmente pizzarias, italianos, hamburguerias e asiáticos: H3, Vitaminas, LX Burger, Chirashi, Mr. Lee, A-100, Bairrista, Telepizza e Honorato. Além destes, é ainda possível encomendar gelados da Olá, Ben & Jerry’s e vinhos da garrafeira online VinhoEmCasa.

A interface da app (que ainda não está traduzida para português, está totalmente em inglês) surge dividida em algumas secções, como a Promocional Offers (ofertas e promoções), Get it Fast (entregas rápidas) e Popular (restaurantes com as refeições mais pedidas).

©DR/Bolt Food
©DR/Bolt Food | Além de terem a taxa de entrega grátis, há vários restaurantes com promoções.

Se tocarmos no ícone da lupa (na barra de opções que fica na base da app), podemos ainda fazer pesquisas e entrar em várias categorias de restaurantes, tendo em conta o tipo de comida – japonesa, italiana, sushi, sobremesas, saladas e bebidas, por exemplo.

Bolt entra em Lisboa com taxa de entrega grátis

A taxa de entrega é de 1,50 euros para todos os restaurantes, mas nesta fase de lançamento é grátis. Como acontece com a Uber, alguns restaurantes têm promoções próprias: uns oferecem uma refeição (2 por 1) e outros dão um artigo na compra de um prato – normalmente um acompanhamento ou uma entrada.

Na zona de encomenda é ainda possível escrever um pedido especial para o restaurante e dizer como queremos receber o pedido: deixar à porta, receber na porta do prédio ou outra instrução mais específica para o estafeta.

©DR/Bolt Food
©DR/Bolt Food | Na área de check-out é possível indicar ao estafeta como deve ser entregue as encomendas.

A Bolt Food é a terceira grande app de entregas a chegar ao mercado nacional: a primeira foi a Glovo, em Outubro de 2017; a Uber Eats chegou um mês mais tarde, em Novembro.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].