Bissell CrossWave

Review: Bissell CrossWave

por • 4 Maio, 2017 • Estrelas TRENDY ⭐️Comentários fechados em Review: Bissell CrossWave337 •

Desempenho: 92%

Utilidade: 81%

Inovação: 85%

Qualidade: 87%

Preço: 79%

Os pontos negativos depressa ficam para segundo plano: nada faz frente a 560 W de poder de sucção num aspirador.

Resumo:

Ele aspira, limpa, lava e ainda “come” alguns fios que tiver à solta no chão. Conheça o potente CrossWave da Bissell.

Há uns anos valentes, uma publicidade a um sabão tinha um slogan que era qualquer coisa como ‘o azar da porcaria’. A mesma expressão pode ser usada para este aspirador da Bissell (349 euros).

Mas não é apenas da porcaria, é de alguns cabos que possamos ter espalhados pelo chão. É que, ao passar sem querer por cima deles, são literalmente aspirador por este CrossWave. Isto obriga-nos a desligar o aspirador e a puxá-los (com muito custo) para fora.

E aqui está um dos pontos menos bons deste equipamento da Bissell. Mas há mais: esqueça aspirar/lavar por baixo da cama. Apesar de ser flexível, não vai ser possível colocar o aspirador em locais muito apertados.

O ângulo até onde podemos abrir a pega não é suficientemente grande para permitir isto. Também vai ser preciso algum cuidado no gatinho que faz esguinchar água pelo rolo de limpeza.

Se tiver o dedo muito pesado, vai ficar com um mini-lago de porcaria no chão. Lá vamos nós ter de a passar o CrossWave pelo mesmo sítio mais que uma vez…

O melhor é que estes pontos negativos depressa ficam para segundo plano: nada faz frente a 560 W de poder de sucção num aspirador. O CrossWave vai ser capaz de substuir a esfregona e tanto vai poder ser usado em pavimentos de madeira ou mármore, como em alcatifas ou tapetes.

É uma espécie de todo-o-terreno da limpeza, portanto.


Veja o vídeo no canal de YouTube do TRENDY.


Artigos Relacionados