A partir desta semana, os clientes Uber que estejam no Algarve, Coimbra, Braga e Aveiro já podem viajar num autmóvel eléctrico Uber Green.

Para já, há dois hipermercados onde vai ser possível carregar automóveis eléctricos a partir de 1 cêntimo por minuto: são os novos Continente Plug&Charge.

Dentro de vinte anos, a Uber quer ser uma plataforma de mobilidade com zero emissões.

Os supermercados Lidl anunciaram um investimento de um milhão de euros para instalar quarenta postos de carregamento para automóveis eléctrico.

Em Setembro de 2019, a Uber anunciou uma parceria com a PowerDot para acesso exclusivo a pontos de carregamento. Era o primeiro passo para esta decisão.

Um dos automóveis eléctricos mais recentes a chegar ao mercado é uma versão do clássico Fiat 500, com elementos feitos em plástico recolhido dos oceanos.

É como se as televisões, as consolas e os leitores de música da Sony tivessem ganho rodas. O automóvel Vision-S é uma montra tecnológica da marca japonesa.

A Kapten alargou a sua área de cobertura a Guimarães e Braga. Além disso, a marca anunciou um objectivo para 2020: ter até 800 automóveis eléctricos.

A Volvo já tem vários híbridos plug-in e até uma marca "irmã" chamada Polestar, 100% eléctrica. Mas o SUV XC-40 Recharged é mesmo o primeiro do seu género.

Já pouca gente duvida de que os automóveis eléctricos vão ser o futuro da mobilidade - a Volkswagen tem um novo protótipo na manga.

As mais recentes declarações do ministro do ambiente sobre os automóveis a diesel causaram polémica em Portugal. Onde entram os carros eléctricos nesta história?

A Emov fez uma parceria com a marca de roupa Pompeii e, durante esta semana, vai haver pares de sapatos "escondidos" nas bagageiras dos Citroen C-Zero.