Red Bull Music Academy Lisboa
Red Bull Music Academy Lisboa

Red Bull Music Academy vem dar “aulas” para a Lisboa Electrónica em Abril

Em ano de vigésimo aniversário, a Red Bull Music Academy chega a Lisboa para dois dias de “aulas”. A escola vai ficar durante dois dias no Teatro Capitólio, no Parque Mayer.

A Red Bull Music Academy vem comemorar os vinte anos a Lisboa. Esta iniciativa da marca de bebidas energéticas tem como objectivo colocar nomes grandes da música a dar lectures (aulas).

Nestas duas décadas, a Red Bull Music Academy já passou por cidades de todo o mundo (Berlim, Londres, Cidade do Cabo, Melbourne, Tóquio, São Paulo, Nova Iorque, por exemplo) e teve como professores Roger Linn, Bob Moog, Donald Buchla, Alexander Robotnick, Derrick May ou Richie Hawtin.

Em 2018, é a vez de Lisboa receber a academia de música da Red Bull, o que vai acontecer no festival Lisboa Electrónica. A 4 e a 5 de Abril há quatro palestras dadas por outros tantos músicos, dois deles portugueses.

Vai ser precisamente Carlos Maria Trindade (Corpo Diplomático, Madredeus ou Heróis do Mar) a dar o pontapé de saída das lectures, dia 4 de Abril às 14 horas, no Capitólio.

Às 17 horas do mesmo dia, entra em cena o norte-amerciano Mike Grinser, do estúdio Dubplates and Mastering, «uma das instituições que molda o som dos clubes globais», sublinha a Red Bull.

No dia seguinte, 5 de Abril, o sofá da Red Bull Music Academy abre com o DJ holandês Serge, o fundador de uma das mais importantes editoras de música electrónica, a Clone Records (1994).

Para fechar a porta da sala de aula da academia de música Red Bull é convidado Rui Vargas, considerado pela marca «um dos maiores embaixadores da música eletrónica em território nacional».

Nas quatro sessões da Red Bull Music Academy o público vai ter a oportunidade de participar num momento de open mic e fazer perguntas ou comentar as intervenções dos quatro professores.

Os bilhetes para assistir a estas sessões custam vinte euros para cada dia e podem ser comprados aqui. Já para o festival Lisboa Electrónica, os bilhetes custam vinte e trinta euros, dependendo dos dias. Para mais informações sobre o Lisboa Electrónica pode ver o evento na Agenda TRENDY.

@RBMA #RBMA

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].