Jaguar I-Pace
Jaguar I-Pace

Jaguar I-Pace: será este o Tesla killer de que o mundo precisa?

Para a marca, esta é uma «revolução nos veículos eléctricos». Quinze minutos de carregamento dão uma autonomia de 100 Km. Os preços começam nos 80 mil euros. Será que chega para por a Tesla em sentido?

Actualmente, a Tesla é uma espécie de Apple do mundo automóvel. Os seus modelos ganharam um estatuto premium e a marca é sinónimo de ‘inovação’ e ‘revolução’.

E é precisamente esta última palavra que a Jaguar também reclama para si, com a apresentação do novo I-Pace, o primeiro automóvel totalmente eléctrico da marca britânica.

«O novo eléctrico puro, o I-Pace posiciona a Jaguar na liderança da revolução dos veículos eléctricos». É precisamente assim que os responsáveis desta insígnia começam por apresentar este automóvel.

Em termos de design, temos linhas mais agradáveis que os modelos da Tesla, conhecidos por serem algo insípidos neste campo. Aqui, a Jaguar não dá hipótese, até porque o I-Pace foi influenciado pelo automóvel desportivo C-X75.

Desta forma, temos um capot curto e baixo, um tejadilho de design aerodinâmico e um vidro traseiro curvo. Segundo a Jaguar, este design de habitáculo «deslocado para a frente «contrasta com uma traseira quadrada que auxilia a reduzir o coeficiente aerodinâmico».

Atrás temos um spoiler na continuidade do tejadilho, que tem um tecto em video, e ópticas estilizadas com a marca da Jaguar, muito idênticas às do F-Pace.

Dados mais técnicos, dizem-nos que o I-Pace tem uma autonomia de 480 km, proporcionados por uma bateria de iões de lítio de 90 kWh que permite o carregamento de 80% em quarenta minutos. Mas, se estiver com pressa, este Jaguar eléctrico pode conseguir 100 km de autonomia em quinze minutos.

O I-Pace tam ainda tracção às quatro rodas e é alimentado por dois motores Jaguar com uma potência conjunta de 400 cavalos. Esta motorização permite que o automóvel britânico consiga fazer 4,8 segundos dos 0 aos 100 km/h.

Para saber mais pormenores sobre o Jaguar I-Pace pode fazer o donwload de um PDF com todas as características deste novo modelo eléctrico da marca e cujo preço base ronda os 80 mil euros.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].