A Estrella Damm vai oferecer jantares para duas pessoas em 25 restaurantes portugueses de luxo.

Sem a clássica Rota de Tapas em 2020, devido à pandemia de COVID-19, a Estrella Damm fez uma parceria com este centro comercial do Algarve para criar um evento semelhante.

A segunda edição de 2019 da Rota de Tapas já tem data marcada. Na lista das cidades, não há novidades: são as mesmas que participaram na edição de Maio.

O conhecido chef do elBulli, que fechou em 2011, vai estar pela primeira vez em Portugal num congresso de gastronomia, organizado pela Estrella Damm.

A Lisboa, Porto, Braga, Faro, Aveiro, Évora e Viseu juntam-se mais duas cidades. Este ano, a Rota de Tapas chega a Castelo Branco e Caldas da Rainha.

Em vez das tapas, os "pitéus"; em vez da Damm, a Bohemia. A primeira edição do Tour do Pitéu fica até 11 de Novembro em Almada e passa por 20 restaurantes.

A clássica segunda edição anual da Rota de Tapas, a de Outono, vai ficar até 7 de Outubro nas mesmas sete cidades portuguesas por onde passou em Maio.

Ao todo, são 32 os restaurantes em que vamos poder pedir um prato especialmente feito para ser degustado com uma de quatro cervejas Estrella Damm: Inedit, Malquerida, Voll e Bock.

Relativamente à última edição da Rota de Tapas Estrella Damm de 2017 (Setembro/Outubro), a inclusão de mais três cidades faz com que o evento passe a ter mais cinquenta restaurantes.

A 10.ª Rota de Tapas Estrella Damm vai percorrer cerca de cem restaurantes restaurantes em Lisboa, Porto, Braga e Faro.

A edição de Primavera da Rota de Tapas teve lugar no Porto, em Lisboa, em Braga e em Faro, entre 12 de Maio e 4 de Junho.

O conceito não muda: uma caña de Estrella Damm e uma tapa custam três euros. A organização promete tapas feitas com peixe e marisco da Ria Formosa.