Burger King continua a apostar no “verde” com um novo hambúrguer duplo veggie

©Burger King
©Burger King

Está encontrado o “sucessor” do Rebel Whooper, lançado há mais de dois anos: o Big King junta-se à oferta vegetariana da marca de fast-food.

Rebel Whooper, Nuggets Vegetais (como no KFC), Long Vegetal e, agora, o Big King. Este é a nova opção vegetariana da carta deste restaurante, mais uma vez em parceria com a The Vegetarian Butcher, uma marca da Unilever, que este ano ficou disponível no Continente.

O Big King traz dois hambúrgueres vegetais feitos à base de «soja, trigo, óleo vegetal, ervas aromáticas e cebola», a que se juntam «queijo derretido, alface fresca, picles e cebola». O pão é o habitual do restaurante, com sementes de sésamo.

Valores nutricional nutricionais semelhantes, mas…

Em termos de valores nutricionais, o Big King tem 504 calorias, 25 gr de proteína, 43 gr de hidratos de carbono – dos quais, 11 gr de açúcar), 26 gramas de gorduras (7 das quais, saturadas) e 9 gramas de fibra.

Comparativamente, o Big King tradicional, com carne de vaca, tem apenas mais 21 calorias (525,3), praticamente o mesmo valor proteíco (24,8), de hidratos de carbono (44,9) e de açúcares (11,3).

A grande diferença está mesmo nos valores dos diferentes tipos de gorduras (monoinsaturadas ou poliinsaturadas, por exemplo), na quantidade de fibra (três vezes menos) e na quantidade de sal adicionado.

O preço do Big King Vegetal, em menu com batatas fritas clássicas e uma bebida, é de 8,40 euros (apenas o hambúrguer fica por 6,40 euros).

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].