Auga Seca: segunda temporada da série HBO com Victoria Guerra começa a ser filmada em Fevereiro

©SPi
©SPi

A co-produção portuguesa entre SPi, RTP, TV Galicia e HBO, com a actriz portuguesa num dos principais papéis, avança para mais uma temporada de oito episódios.

Depois de uma primeira temporada com seis episódios e com relativo sucesso, já se sabia que Auga Seca iria ter uma segunda temporada: José Amaral, managing director de SPi tinha feito a confirmação em Maio de 2020.

A série, uma co-produção entre Portugal e Espanha, começa a ser gravada em Vigo (Galiza) no dia 1 de Fevereiro, confirmou a HBO, e tem ainda passagem confirmada por Lisboa (como aconteceu com A Casa de Papel). Ao todo, serão oito episódios, cada um com cinquenta minutos.

Estreia só deve acontecer no final de 2021

Este thriller, que aborda o sub-mundo do tráfico de armas, chegou à RTP e HBO no princípio de 2020 e conta com Victoria Guerra num dos papéis principais. Adriano Luz é outro dos actores portugueses envolvidos no projecto; um dos realizadores é Sérgio Graciano.

A segunda temporada já tem uma pequena sinopse: a série vai «mergulhar nas origens dos negócios da família Galdón e dos seus conflitos com a família de Teresa». Para já ainda não há data concreta para a estreia dos novos episódios de Auga Seca, mas é provável que aconteça apenas mais perto do final de 2021.

Se não tiver HBO, pode ver a primeira temporada de Auga Seca de forma gratuita na RTP Play.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].