Máscaras ©Brazilian Bikini Shop
Máscaras ©Brazilian Bikini Shop

Brazilian Bikini Shop passa a vender máscaras reutilizáveis feitas no mesmo tecido que os fatos de banho

Feitas totalmente em poliamida (o mesmo material que está nos forros dos fatos de banho da Brazilian Bikini Shop) estas máscaras estão disponíveis na loja online da marca.

É mais uma marca a disponibilizar máscaras sociais de protecção, uma estratégia que também já tinha acontecido, por exemplo, com a MO. Uma das mais recentes iniciativas do género é da Brazilian Bikini Shop.

A marca de fatos de banho e roupa de praia criou uma linha de máscaras feitas 100% em poliamida, as Lua Morena, (o mesmo material de que são feitos os forros dos seus biquinis) e vai doar 15% das vendas ao fundo COVID-19 Solidarity Response Fund for WHO.

Máscaras devem ser apenas usadas durante duas horas

Em produção estão oitocentas mil máscaras de tecido laváveis com elásticos ajustáveis. O tamanho das máscaras Lua Morena é único (17 x 13 cm) e o preço é de 6,99 euros; o seu uso tem, ainda, de obedecer a algumas regras, dadas pela Brazilian Bikini Shop no site.

Por exemplo, a marca lembra que as máscaras Lua Morena devem ser usadas apenas durante duas horas e que sempre que ficar molhada devido a tosse ou espirros deve ser retirada. A Brazilian Bikini Shop diz ainda que as máscaras devem ser lavadas com «água e sabão» e deixadas de molho «durante dez minutos». Pode comprá-las aqui.

Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].