Black Company Super Bock

Black Company regressam na nova campanha da Super Bock que festeja 25 anos de hip-hop português

por • 24 Abril, 2019 • Marketing e Negócios, MúsicaComentários fechados em Black Company regressam na nova campanha da Super Bock que festeja 25 anos de hip-hop português414

Os Black Company são uma das bandas que protagonizam a nova campanha da Super Bock dedicada à música nacional. A marca festeja os últimos 25 anos do hip-hop/rap nacional com um filme de sete minutos.

«Bantú não sabe nadar yo! / K.J.B. não sabe nadar yo! / Madnigga não sabe nadar yo! / Makkx não sabe nadar ye!». A letra deixa é conhecida de todos e a música tornou-se um hino dos anos 90, em Portugal.

Os Black Company foram um dos pioneiros do hip-hop e do rap nacional e o single Nadar acabou mesmo por ser o primeiro grande êxito deste tipo de música em Portugal.O tema foi lançado na histórica colectânea Rapública, que saiu 1994, e que também tinha músicas de Boss AC, Zona Dread, Family, New Tribe, Funky D e Líderes da Nova Margem.

Nos anos noventa, os Black Company lançaram dois álbuns, Geração Rasca e Filhos da Rua; depois separaram-se. A reunião foi feita em 2007, o que deu origem a um novo disco: Fora de Série saiu em 2008.

Desde então, os Black Company participaram de forma ocasional em trabalhos de outros rappers – a mais recente foi no EP Patrão de Boss AC, no tema Verdade, onde DJ Ride também fez uma perninha.

Agora, vamos podê-los ver em vídeo, na mais recente campanha da Super Bock, que homenageia os últimos 25 anos do hip-hop nacional e que acaba também por ser o aniversário do lançamento da colectânea Rapública.

Super Bock Hip Hop

O filme 25 Anos de Inspiração é uma curta (em estilo ‘biopic’) de sete minutos que, além dos Black Company tem ainda a participação de Mind Da Gap, Capicua, Slow J e Estraca.

Esta curta, que pode ser vista gratuitamente no canal de YouTube da Super Bock «conta a história do hip-hop português nos últimos 25 anos, vivida na primeira pessoa e que representa o legado dos artistas, conta o seu processo criativo, as suas experiências e emoções em cada concerto e as histórias de amizade autêntica que surgem neste contexto».

Segundo a Super Bock, as gravações (com a assinatura da agência Escritório e da Ministério dos Filmes) foram feitas «nos exactos locais onde as canções foram criadas» – por exemplo, a parte dedicada a Capicua foi gravada no Café Avis, onde Ana Matos Fernandes compunha as suas canções.

A Super Bock criou ainda um trailer de 45 segundos (que serve também de anúncio para as TV) para promover este filme de homenagem ao hip-hop nacional dos últimos 25 anos. Pode vê-lo aqui em baixo.

Nas últimas semanas a Super Bock anunciou ainda uma nova plataforma online com conteúdos futebolísticos (vídeos dos jogos da Primeira Liga e passatempos), a Super Adeptos; ainda na música, a marca garantiu ainda lugar como uma das patrocinadoras do Montreux Jazz Festival e da Expofacic.

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish