Festival Iminente vai juntar música e arte em Oeiras

Oeiras vai receber o Festival Iminente, que juntará a nova música às novas artes – tudo com curadoria do conhecido artista Vhils.

O cartaz deste festival, que se realiza de 23 a 25 de Setembro, junta aquilo que é descrito como a «nova música» à «nova arte». Portanto, no Jardim Municipal de Oeiras será possível conhecer nomes que têm vindo a marcar o panorama cultural português.

No dia 23 de Setembro, haverá concertos de PAUS, Linda Martini, Batida (em modo DJ Set), DJ Ride, BBG Parkbeat, DJ Glue e da dupla Thunder & Co.

A 24 de Setembro, o panorama ‘atira-se’ mais para os lados do hip hop, mas sem esquecer os ritmos mais… frenéticos. Assim, há para ver Chullage, Halloween, Orelha Negra, Keso, Francis Dale, DJ Firmeza e DJ Marfox.

No último dia, juntam-se nomes já consolidados, como Ana Moura, Dead Combo, Sam The Kid ou Kalaf, aos mais novos Slow J e Isaura.

Nas artes, além de Vhils, estarão também em destaque Bordalo II, André da Loja, Akacorleone, Clemens Behr, David Oliveira, Mais Menos, Mar, Maria Imaginário ou Wasted Rita, entre tantos outros.

Além de tudo isto, os bilhetes têm um preço acessível, em que metade reverterá a favor de iniciativas sociais. Por dois euros por dia, poderá ter acesso aos vários concertos e exposições, com os bilhetes à venda na Tickteline.

Nos dois primeiros dias, a festa começa às 16 horas e termina às duas da madrugada. No Domingo, os espectáculos começam às 14 horas e terminam às 20 horas.

Cátia Rocha
Sonha ter um walk in closet desde pequenina, mas enquanto isso não acontece, contenta-se a coleccionar maquilhagem e anéis. Não consegue resistir a uma boa sobremesa e a um belo livro. Passa a vida a ouvir música e tem uma lista de todos os concertos que já viu.