Messenger ©Facebook
Messenger ©Facebook

O Messenger do Facebook transformou-se numa aplicação dedicada para computador com chat e video calls

Nas última semanas, em virtude da declaração do Estado de Emergência (que se vai prolongar até 17 de Abril), o teletrabalho tem aumentado e as plataformas de videoconferência tem sido das mais usadas.

Zoom, Teams (Microsoft) e Hangouts (Google) são algumas das principais apps usadas, mas agora há um novo “jogador” que entra em campo: o Messenger do Facebook transformou-se numa aplicação dedicada para fazer chamadas de vídeo no computador, mantendo a possibilidade de chat tradicional.

Disponível para Windows ou macOS (o download pode ser feito nas lojas de apps respectivas), esta app faz com que deixa de ser necessário usar o browser ou a app para smartphones para fazer uma videochamada ou videoconferência com amigos ou colegas de trabalho.

De resto, todas as funcionalidades que o Messenger tinha, integrado no browser, ou em forma de app, mantêm-se: o modo escuro, a criação de grupos, o envio de GIF, fotos, vídeos ou a gravação de mensagens em áudio. Esta nova app mantém ainda a sincronização entre a versão browser e a app para smartphones.

Veja o vídeo de apresentação do Messenger para Windows e macOS aqui.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].