Terrence Malick The Hidden Life

Oito anos depois da Árvore da Vida, Terrence Malick volta com uma “vida escondida” ao Festival de Cannes

por • 18 Abril, 2019 • CinemaComentários fechados em Oito anos depois da Árvore da Vida, Terrence Malick volta com uma “vida escondida” ao Festival de Cannes505

Está confirmado o regresso de Terrence Malick ao Festival de Cinema de Cannes. O realizador norte-americano concorre mais uma vez à Palma de Ouro com o seu novo filme The Hidden Life.

Depois de ter ganho o prémio para melhor filme em Cannes, com a Árvore da Vida, em 2011, Terrence Malick andou “escondido” deste festival durante oito anos, tempo durante o qual apenas realizou dois filmes: Cavaleiro de Copas e A Essência do Amor.

Ambos os filmes estiveram em competição em dois festivais de cinema europeus, mas não conseguiram levar para casa os respectivos troféus máximos.

Em 2015, Cavaleiro de Copas falhou o Urso de Ouro em Berlim e, em 2012, A Essência do Amor, já tinha ficado a ver o Leão de Ouro de Veneza a passar-lhe ao lado. Contudo, este filme valeu a atribuição do Prémio SIGNIS (uma menção honrosa), no mesmo festival, a Malick.

A Árvore da Vida é mesmo a obra mais premiada do realizador norte-americano: conquistou mais de cem prémios de cinema em festivais de todo o mundo, inclusive a Palma de Ouro em Cannes; o filme chegou a ser nomeado para três Óscares.

É com este palmarés que Terrence Malick se apresenta, mais uma vez, em Cannes, desta vez com o seu mais recente filme The Hidden Life (Radegund), que, no site de cinema IMDb ainda está marcado como estando em pós-produção.

The Hidden Life (que começou a ser filmado em 2016) conta uma «história verídica», a de Franz Jägerstätter, «um camponês e objector de consciência austríaco». A vida do protagonista começa a complicar-se com a início da Segunda Guerra Mundial e quando é chamado pela Áustria a integrar os treinos militares do exército do seu país.

Como objector de consciência, Franz é «incapaz de dedicar a sua lealdade a uma causa que considera injusta», mas a sua posição não é bem vista pela comunidade: as posições extremam-se quando entra em conflito, não só com os outros habitantes da sua aldeia, mas também com os membros da Igreja e a sua própria família.

The Hidden Life - Radegund

O actor alemão August Diehl (na foto, em cima), que se tornou mais conhecido do grande público com o papel de Major Hellstrom em Sacanas sem Lei (Quentin Tarantino, 2009), tem o papel principal e interpreta Franz Jägerstätter.

The Hidden Life é também um dos últimos filmes onde vamos poder ver o actor suíço Bruno Ganz, que morreu em Fevereiro deste ano, e que também já tínhamos visto em The House That Jack Built.

Mikael Nyqvist (John Wick, Missão Impossível: Operação Fantasma, Kursk), Julien Schoenaerts (A Rapariga Dinamarquesa, A Agente Vermelha) e Jürgen Prochnow (Das Boot, Dune, Código da Vinci) são outros dos actores principais de The Hidden Life.

O mais recente filme de Terrence Malick vai estrear no na 72.ª edição do Festival de Cannes, que acontece de 14 a 25 de Maio de 2019, no Sul de França. Em Portugal ainda não há data de estreia, mas já está confirmado que vai ser a NOS a distribuir The Hidden Life.

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish