Festival da easyJet aterra em Lisboa

A companhia aérea easyJet anunciou mais uma novidade para Lisboa – e desta vez não tem asas. O easyJet Street Music Fest vai promover uma série de concertos, com várias paragens em pontos emblemáticos da cidade.

O easyJet Street Music Fest acontece no Sábado, dia 17 de Setembro, entre as 15 e as 20 horas. A ideia é ocupar os jardins de Lisboa, com seis palcos, com músicos provenientes de alguns dos destinos para onde a low cost tem viagens asseguradas.

Assim, as actuações decorrem em locais como o Jardim da Estrela, Príncipe Real, Martim Moniz ou Miradouro de Santa Catarina. Esta é a estreia desta iniciativa, que quer que os fãs de música viajem por diferentes sonoridades – e locais.

O alinhamento dos concertos já é conhecido, começando às 15 horas no Jardim da Estrela, com os parisienses Jazz de Poche. Às 16 horas, Teresa Rocha e Mello actua no palco do Jardim da Parada, representando a cidade de Lisboa. Vindo dos Açores, João da Ilha actua às 17 horas, no Jardim das Amoreiras.

Mais perto do final da tarde, os Street Groove Section representam Londres, às 18 horas, no palco do Príncipe Real. No Miradouro de Santa Catarina, às 19 horas, Amesterdão chega a Lisboa, com os sons de Dr. Goo’s Masjien. Por fim, perto do final da tarde, o Martim Moniz recebe a sonoridade de Mi Hermano Y Yo, oriundos de Madrid.

De acordo com Pedro Sousa, o director de Marketing da easyJet para Portugal e Espanha, «esta acção pretende ainda dinamizar Lisboa como destino e reafirmar o nosso objectivo de estarmos cada vez mais próximos dos nossos passageiros, ao tornar a Europa mais laranja», explicou.

Cátia Rocha
Sonha ter um walk in closet desde pequenina, mas enquanto isso não acontece, contenta-se a coleccionar maquilhagem e anéis. Não consegue resistir a uma boa sobremesa e a um belo livro. Passa a vida a ouvir música e tem uma lista de todos os concertos que já viu.