Campanha de economia circular Buy Back Friday regressa à Ikea: móveis antigos valem cartões-presente

©Ikea
©Ikea

Pelo segundo ano consecutivo, a Ikea volta a ter uma campanha que incentiva a troca de móveis antigos por cartões-presente para usar em compras na loja.

Entre 23 de Novembro e 2 de Dezembro, a Buy Back Friday está de volta à Ikea. O objectivo continua a ser «promover uma economia circular» e oferecer uma «segunda vida a produtos que se encontram sem utilização na casa das famílias portuguesas».

Para vender um móvel antigo à Ikea, e receber um cartão-presente (quem for membro Ikea Family recebe mais 50% do valor final), é preciso preencher um formulário no site da loja, que inclui várias regras que os artigos têm de seguir para serem comprados.

Cliente tem de entregar móveis na loja

Por exemplo, têm de ser entregues montados e limpos, não é possível vender «grandes quantidades de artigos e artigos usados comercialmente» e estão fora desta campanha móveis de exterior, artigos de cozinha, artigos para crianças e bebés e artigos estofados que tenham manchas.

Outra coisa que é preciso ter em atenção, tem que com o facto de o Ikea não se responsabilizar pelo transporte: tem de ser o cliente a fazer a entrega numa loja. Aí, um «colaborado avalia os móveis pessoalmente, dando-lhe depois o valor final acordado», num cartão-presente.

Segundo a Ikea, os móveis que foram recomprados ao abrigo da campanha Buy Back Friday serão depois colocados à venda na secção ‘Oportunidades’ das lojas, que muda de nome e se passa a chamar ‘Área Circular’.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].