Fake e Última Hora têm estreia confirmada da sala de teatro online do D. Maria II, com bilhetes a três euros

©TNDMII
©TNDMII

A programação da Sala Online do D. Maria II recebeu dois reforços de peso na sua programação de Fevereiro: as peças Fake e Última Hora.

Fake e Última Hora (esta última, foi mesmo uma das melhores peças de 2020, em Portugal) estão confirmadas na Sala Online D. Maria II, a iniciativa do teatro de Lisboa que serve de resposta ao impedimento de ter espectáculos ao vivo, devido à pandemia de COVID-19.

A primeira peça a estrear é Fake, escrita por Inês Barahona e Miguel Fragata: é a história do assassinato de um cozinheiro e a tentativa de descobrir quem foi o responsável pela morte. Fake pode ser vista na Sala Online até 19 de Fevereiro e tem versões em Língua Gestual Portuguesa e Audiodescrição.

Segue-se Última Hora, a 12 de Fevereiro (fica até dia 16), uma comédia com autoria de Rui Cardoso Martins e encenação de Gonçalo Amorim. Esta peça mostra o dia-a-dia num jornal dirigido por Miguel Guilherme e Maria Rueff.

Os bilhetes para as duas peças custam três euros e podem ser comprados aqui para Fake e aqui para Última Hora.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].