TVDE Desconfinamento ©TRENDY
TVDE Desconfinamento ©TRENDY

TVDE e táxi: procura por viagens na Kapten e Free Now sobre quase 250% em semana de desconfinamento

Os meses de Março e Abril foram complicados para os serviços de táxi e TVDE chegaram a ter quebras de 80%, mas a primeira semana de desconfinamento trouxe resultados animadores.

Para a Kapten e Free Now, a conclusão é óbvia: «Os TVDE e os táxis assumem-se como alternativas seguras ao transporte público». É esta a razão que o Grupo Free Now aponta para que tenha havido uma procura superior a 250% pelos seus serviços de transporte.

«O fim do Estado de Emergência e o levantamento de algumas das restrições impostas, corresponde também ao início da retoma da actividade de táxis e TVDE», diz a empresa e que tem as marca Kapten e Free Now.

Segurança e higiene reforçada nos automóveis trouxe confiança

Na Kapten, entre 4 e 7 de Maio, a empresa diz que a procura subiu 60% em relação à última semana do Estado de Emergência; já na Free Now, os números foram muito superiores: mais 200%.

Durante o período dos três Estados de Emergência decretados pelo Presidente da República, a procura pelos serviços de táxi e TVDE chegou a cair 80% e as duas plataformas foram obrigadas a adoptar algumas regras de segurança e higiene.

Por exemplo, alguns os motoristas passaram a andar de máscara e luvas; foram ainda aplicadas divisórias em acrílico entre os bancos da frente e os de trás e a limpeza das viaturas foi reforçada, o que terá contribuído também para aumentar a confiança dos utilizadores destas plataformas; um despacho do Diário da República obrigou ainda uma limitação de dois passageiros em táxis e TVDE de cinco lugares.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].