É Um Restaurante @ArlindoCamacho

O novo projecto social da Associação Crescer É Um Restaurante que dá emprego aos sem abrigo

por • 16 Outubro, 2019 • Restaurantes, SolidariedadeComentários fechados em O novo projecto social da Associação Crescer É Um Restaurante que dá emprego aos sem abrigo472

A formação é dada pela Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa e o curador da cozinha é o chef Nuno Bergonse. Conheça este restaurante que é, acima de tudo, um projecto social.

O novo projecto da Associação Crescer, que actua na área de intervenção comunitária na cidade de Lisboa, especialmente no apoio aos sem abrigo, é um restaurante que fica na Rua de São José, mesmo ao lado da Avenida da Liberdade, em Lisboa.

‘É Um Restaurante’ é, precisamente, o nome da nova iniciativa de inclusão da Associação Crescer que tem como objectivo «formar e dar emprego a pessoas em situação vulnerável». O projecto surge na linha de outros do mesmo género: É Uma Rua, É Uma Casa e É Uma Vida, todos no âmbito da inclusão social.

Formação dada para fazer crescer e estagiar noutros restaurantes

A ideia nasceu em 2016 e, entretanto, a Associação Crescer tem estado a desenvolver esta nova acção comunitária com a ajuda de vários parceiros, em especial com a Câmara Municipal de Lisboa, que «cedeu o espaço, além de contribuição financeira para a viabilização do projecto», diz Américo Nave, director executivo da associação.

O restaurante vai dar formação contínua durante seis meses a cada pessoa, e o objectivo passa por dar uma oportunidade de trabalho aos mais aplicados: «Este percurso é apenas o início de uma nova vida. Queremos ajudar estas pessoas a ganhar competências que continuarão a desenvolver no passo seguinte, num estágio em vários restaurantes parceiros em Lisboa, com vista à integração no mercado de trabalho», explica Américo Nave.

Para dar toda a formação de cozinha e sala aos recursos humanos do restaurante (quarenta pessoas por ano), a Crescer contou com a parceria da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa; o Instituto de Emprego e Formação Profissional e o Instituto da Segurança Social deram também apoio técnico e financeiro.

Na lista de parceiros estão ainda a Stavros Niarchos Foundation, o WiZink Bank e a SIC, cujo Prémio Especial 15 anos SIC Esperança – Delta em 2018 «possibilitou a aquisição do equipamento de cozinha». O chef de cozinha escolhido para liderar o projecto foi Nuno Bergonse, que já tinha estado no arranque do restaurante Marhaba, cujo objectivo era a integração de refugiados.

É Um Restaurante com carta de petiscos e fine dining para partilhar

Para traduzir o conceito do É Um Restaurante, Nuno Bergonse criou uma carta de «casual fine dining, comida de conforto e de partilha, com alguma sofisticação». Nas entradas, saltam à vista os petiscos com ingredientes típicos da gastronomia nacional: peixinhos da horta com molho tártaro, queijo de ovelha com doce de abóbora, sopa de castanha e tiborna com escabeche de pato e uvas tintas.

A lista pratos principais (sempre para partilhar, como nas entradas) inclui bochechas de porco preto com farofinha e aipo, pica pau de polvo com batata doce, ervilhas com porco bísaro e ovo escalfado; para acabar, as sobremesas são três: pudim de azeite e mel, rabanada com caramelo e gelado de cardamomo e mousse de chocolate.

Os preços, para os petiscos de entrada, são bastante em conta: uma média de cinco euros. Nos pratos principais, os valores são igualmente acessíveis e rondam os nove euros – a carta completa pode ser vista aqui, em PDF.

É Um Restaurante Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish