Dormir no Museu da Electricidade? Sim, é possível com o Airbnb!

A plataforma de aluguer de casas tem um local bastante curioso que pode ser reservado até 8 de Junho: uma instalação de arte no MAAT.

O MAAT/Museu da Electricidade recece, até dia 30 de Julho, uma instalação artísitica criada por Ana-Pérez Quiroga que também é uma casa pronta a habitar.

A APQhome – MAAT é, segundo a autora, «uma obra de arte total que requer a intervenção do participante numa imersão que, durante períodos de 48 horas, visa performatizar o quotidiano numa experiência total de fusão entre arte e vida».

Mas esta reserva não está ao alcance de todos: só podem candidatar-se os «artistas e outros criadores contemporâneos», como se pode ler no site do Museu.

As candidaturas/reservas pdoem ser feitas no site do Airbnb, com cada noite a custar 25 euros.

Esta casa de Ana-Pérez Quiroga (que faz parte do projecto Breviário do Quotidiano) fica dentro do edifício do Museu da Electricidade e só pode ser reservada durante uma noite, sendo que apenas de Quarta a Domingo é que está disponível.

O espaço tem um jardim com duas cadeiras e projecções de dois vídeos de Ana Quiroga e um espaço a que efectivamente se pode chamar casa, em modelo openspace.

Aqui, encontramos uma cama de casal, um gurada-vestidos, uma secretária, estantes com livros, dois sofás e uma kitchnette totalmente equipada.

Aos candidatos não basta seleccionar datas e ver a disponibilidade da APQhome. Ana-Pérez Quiroga pede um perfil em inglês com enquadramento no público-alvo, a indicação do website artístico ou informação complementar e um breve texto de motivação para participar.

E não é tudo: no final, é pedido aos participantes que escrevam «um pequeno ensaio sobre a sua experiencia na instalação APQHome – MAAT ou sobre um tema que aborde as temáticas desenvolvidas neste projecto».

As candidaturas fecham a 8 de Junho e as que foram aceites podem depois escolher datas até 30 de Julho. Para mais informações, pode aceder ao site do MAAT, de Ana Quiroga ou desta reserva, no Airbnb.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].