©MAL - Mercado Aberto do Livro
©MAL - Mercado Aberto do Livro

Este fim-de-semana, há uma feira do livro alternativa em Lisboa, focada em editoras independentes

No programa do MAL 2022, estão três actividades paralelas: um workshop para crianças, uma conversa sobre feminismo e a apresentação de um livro sobre o transgénero na literatura infantil.

No programa do MAL 2022, estão três actividades paralelas: um workshop para crianças, uma conversa sobre feminismo e a apresentação de um livro sobre o transgénero na literatura infantil.

A segunda edição do MAL – Mercado Aberto do Livro acontece em Lisboa no Sábado e no Domingo; no programa estão apresentações de livros e workshops.

O objectivo é dar visibilidade a «editoras independentes portuguesas» que «apresentam diferentes formas de pensar e fazer os objectos-livros». O MAL – Mercado Aberto do Livro aconteceu pela primeira vez em 2022 e a segunda edição decorre já este fim-de-semana.

Entre as editoras confirmadas estão #adelaidebookspt, Bestiário, Canto Redondo, Edições Cutelo, Orfeu Negro, Dois Dias, Edita_X, Abysmo e Livros de Bordo, com obras de «poesia, banda desenhada, ensaio, fotografia e ilustração», diz a organização.

Esta feira do livro alternativa será no antigo Mercado do Rato (Lisboa) e, no programa, tem três actividades paralelas para os visitantes: a primeira (Sábado, às 16 horas) é a apresentação do livro Desafiar o Género, de Emanuel Madalena, com a presença do autor.

©MAL - Mercado Aberto do Livro - Apresentacao
©MAL – Mercado Aberto do Livro

Para Domingo ficam as outras duas: logo de manhã, pelas 11, horas, tem lugar o workshop infantil Conta-me Histórias!, da editora Triciclo, onde as crianças vão poder desenhar. O preço é de 12 euros – as inscrições têm de ser feitas pelo e-mail [email protected].

Finalmente, às 16 horas os tradutores Jacqueline Reuss, Luís Leitão e Pedro Morais juntam-se para uma conversa sobre a autora «anarquista e feminista» Emma Goldman. Para mais informações, pode acompanhar a página de Facebook do MAL.

Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].