Cervejas Super Bock e Quinas ganham oito medalhas para Portugal no International Beer Challenge 2021

©Meritt Thomas
©Meritt Thomas

O International Beer Challenge 2021 deu mais de quinhentas medalhas às melhores cervejas do mundo; Portugal teve direito a oito cinco para a Super Bock e três para a Quinas.

Um dos principais concursos mundiais de cerveja (onde as entradas têm de ser pagas) atribuiu oito medalhas a cervejas nacionais: três de bronze e duas de prata para a Super Bock; duas de bronze e uma de prata para a Quinas.

Pela Super Bock, as vencedoras das medalhas de bronze foram as 1927 Bavaria Weiss, 1927 Bengal Amber IPA e Free; a Free Preta e as 1927 Munich Dunkel ganharam a prata.

©Super Bock / DR.
©Super Bock / DR. | As cervejas da Super Bock ganharam três medalhas de bronze e duas de prata.

Em relação à edição de 2020 do International Beer Challenge, a Super Bock perdeu uma medalha: tinha ganho duas de bronze e quatro de prata com praticamente as mesmas cervejas – apenas a 1927 Japanese Rice Lager não teve direito a prémio em 2021; as outras cinco mantiveram as medalhas (Dunkel, Free Preta e Weiss) ou passaram de prata para o bronze (Bengal e Free).

A Quinas teve a Briosa e Original galardoadas com a medalha de bronze; a Algarvia ficou com a Prata.

A marca que ganhou mais medalhas foi a cadeia de retalho britânica Marks & Spencer (dezanove); em segundo ficou a espanhola Mahou (dezasseis). Destaque também para as cervejas do Aldi, que conquistaram sete medalhas.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].