Idanha-a-Nova fecha Castelo de Monsanto ao público para as gravações da prequela de A Guerra dos Tronos

©Aldeias Históricas de Portugal
©Aldeias Históricas de Portugal

Entre Outubro e Novembro, são várias as restrições na aldeia de Monsanto. Há vários cortes de trânsito e o castelo vai ser encerrado ao público para facilitar as filmagens de House of the Dragon.

A prequela de A Guerra dos Tronos, que estreia em 2022 no futuro serviço HBO Max em Portugal, começou esta semana a ser gravada no concelho de Idanha-a-Nova (Castelo Branco). Durante quase um mês há várias restrições neste município, concretamente em Penha Garcia e Monsanto.

O anúncio foi feito pela Câmara Municipal, que anunciou cortes de trânsito em várias zonas destas duas aldeias até 2 de Novembro; o Castelo de Monsanto (na foto, em cima), que será um dos cenários mais usados pela produção de House of the Dragon vai estar mesmo encerrado ao público até 13 de Novembro.

«A interdição visa criar condições de logística e segurança para as equipas de trabalho na montagem de cenários e equipamentos», explica a CM de Idanha-a-Nova, que avisa ainda que estes prazos podem ser «prorrogados em caso de necessidade». O comunicado está disponível na íntegra aqui.

House of the Dragon (Casa do Dragão) foca-se, essencialmente, na história dos Targaryen, a que pertenciam Daenerys, o seu irmão Viserys e o seu sobrinho Aegon, ou seja, Jon Snow. A história passa-se trezentos anos antes dos acontecimentos de Game of Thrones.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].