VeganCare é a «primeira marca portuguesa de cosmética com certificação vegan» atrbuída pela V-Label

@VeganCare
@VeganCare

A VeganCare lançou quatro champôs sólidos: todos têm o selo V-Label (da União Vegetariana Europeia), que certifica vários produtos vegan e vegetarianos.

Segundo a fundadora, esta é a «primeira marca portuguesa de cosmética e higiene pessoal com o selo Vegan da V-Label». A VeganCare foi criada por Sofia Vieira e faz parte da empresa de cosmética The Kind Lab.

«O principal aspecto diferenciador dos produtos é a aposta no conceito vegan, que não é o mesmo que dizer que o produto é cruelty-free, ou não testado em animais, mas que também não utiliza ingredientes como o leite, mel ou outros que provenham de animais», explica Sofia Vieira.

A oferta da VeganCare resume-se, para já, a quatro champôs sólidos que têm o selo V-Label, uma entidade que nasceu na União Vegetariana Europeia, e que certifica este tipo de produtos, cuja procura «tem vindo a aumentar em Portugal», garante Sofia Vieira.

Objectivo: «Ter mais produtos vegan de higiene»

Os quatro champôs da VeganCare custam 8,95 euros e podem ser comprados no site da marca. Cada um deles é específico para um tipo de cabelo: o Itching for It (urtigas e argila) é para cabelos oleosos; o Purple Addiction (alfazema) destina-se a cabelos normais; o Sailor’s Bliss (manga e laranja) deve ser usado em cabelos secos; e o Juliet’s Love (azeitona e rosa) tem como alvo os cabelos normais a secos.

@VeganCare
@VeganCare | Os champôs da VeganCare são vendidos numa embalagem de papel reciclado.

De acordo com o que vem no site da VeganCare, estes champôs são «biodegradáveis» e vêm numa «embalagem reduzida de papel 100% reciclado». Sofia Vieira diz ainda que os champôs integram «alguns ingredientes biológicos de agricultura portuguesa». O próximo passo, segundo a fundadora, é lançar «mais linhas de produtos vegan de higiene».

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].