C&A Máscaras Coronavírus ©Ashkan Forouzani
C&A Máscaras Coronavírus ©Ashkan Forouzani

C&A entra no combate ao novo Coronavírus com a doação de 240 mil máscaras a hospitais europeus

A cadeia de lojas de roupa C&A acaba de se juntar à luta contra o surto de SARS-CoV-19 na Europa com a doação de 240 mil máscaras protectoras a profissionais de saúde.

Juntamente com o gel desinfectante, as batas e as máscaras são um dos elementos essenciais para que médicos e enfermeiros se protejam nos tratamentos feitos a pessoas com a COVID-19.

Nos últimos dias tem sido noticiada a falta deste material em hospitais portugueses, embora o Governo tenha garantido que nada vai faltar aos profissionais de saúde. As ajudas para evitar que haja mesmo falta de material de protecção têm vindo de várias empresas e agora é a C&A que se junta a esta luta.

A cadeia de lojas de roupa (que tem 1400 espaços em dezoito países da Europa, a maioria das quais encerrada, nesta altura) anunciou que vai doar 240 mil máscaras a «vários hospitais em toda a Europa» para «ajudar a conter e prevenir a disseminação do Coronavírus».

Segundo Domingos Esteves, director-geral da C&A na Península Ibérica, esta decisão surge no seguimento «dos avisos de uma escassez global de abastecimento de máscaras protectoras».

A empresa não especificou, contudo, o modelo das máscaras nem como é que a totalidade vai ser dividida pelos países europeus. O TRENDY tentou contactar a marca para esclarecer estas dúvidas, mas até à hora de publicação deste artigo a C&A não respondeu.

Na mesma linha desta doação da C&A, o Santander juntou-se ao movimento tech4COVID19 para apoiar o Projecto Material Hospitalar. O banco anunciou, em comunicado, que vai contribuir com um apoio de cinquenta mil euros para adquirir cinquenta mil máscaras P2.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy onde faz regularmente viagens pelo País dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].