Um clássico de contrastes!

por • 5 Fevereiro, 2020 • DesportoComentários fechados em Um clássico de contrastes!184

Sete pontos separam os Dragões das Águias, que olham para cima com alguma angustia. Para além da saúde desportiva do FC Porto ter conhecido dias melhores, a saúde económica, em consequência, preocupa muito. A luz pode começar a ser vista este fim de semana, no Estádio do Dragão.

É com 54 pontos que o SL Benfica se apresenta na Invicta, a querer manter as melhores perspetivas para as próximas semanas. Com 7 pontos de avanço sobre o FC Porto, não perder no Dragão colocaria o título de Campeões nacionais nas mãos encarnadas e com isso, um encaixe significativo derivado da entrada direta na Liga dos Campeões 2020/2021, a valer cerca de 40 milhões de euros.

A realidade financeira do Benfica é esplendorosa neste momento, conseguindo nos últimos meses, contratar jogadores para cima de 20 milhões, com cada vez mais frequência, como agora aconteceu na contratação de Weigl na última janela de transferências, e na de Pedrinho, para a próxima temporada. Uma situação em total contraste com aquilo que vive o FC Porto.

Em Janeiro, os azuis e brancos perderam a final da Taça da Liga e viram a série de duas vitórias na Primeira Liga interrompida antes deste Clássico, na primeira mão das meias finais da Taça de Portugal, num empate em Viseu.

Voltou-se a confirmar um FC Porto de duas velocidades, irregular, que agora se deve inspirar exatamente… no Benfica! No último ano, os Encarnados também protagonizaram uma recuperação de 7 pontos sobre o rival, que passou pela vitória diante do Porto!

Hoje as realidades estão invertidas, e os Dragões sabem que não conseguindo a vitória no seu antro, poderão dizer adeus ao tão esperado encaixe da Champions League, antes de tentarem emendar através da pré-eliminatória.

Esse objetivo seria muito mais difícil, visto que não poderiam investir na equipa um dinheiro que ainda não teriam garantido. Aliás, por experiência própria, Pinto da Costa sabe que seria difícil apostar em reforços de qualidade contando com esse hipotético encaixe, já que numa posição idêntica no início desta época, foi um fracasso redundante.

Pela primeira vez, o FC Porto falhou uma edição da liga milionária e consequente encaixe… Por outro lado, a SAD portista terá sempre que vender os seus elementos mais valiosos antes do arranque da próxima época, para cumprir o fair-play financeiro.

Comprometeu-se a garantir cerca de 80 milhões de euros em transferências. Dias cinzentos no céu portuense, que este fim de semana o Dragão vai tentar azular, ou não seja uma águia a perfurar este véu em direção à luz e ao Marquês de Pombal.

Por tradição o FC Porto é favorito em casa, diante de um Benfica que nas últimas 5 deslocações ao Dragão, apenas conseguiu uma vitória. Aconteceu é verdade, na última visita, já com Bruno Lage ao comando. Uma ideia partilhada pelas casas de apostas, que apesar do momento claramente melhor que atravessa o Benfica, dão o favoritismo à equipa da casa.

Pela informação recolhida junto da Sportytrader sobre a Bet.pt, já que costuma ser das casas que oferece as melhores probabilidades, a vitória encarnada tem odd de 3.05 ao passo que a do triunfo azul é de 2.30. Aliás, na primeira volta, o Benfica também atravessava melhor momento quando o FC Porto surpreendeu na Luz, contrariando a ideia de uma Águia dominadora. No sábado, saberemos se o dragão ainda pode sonhar.