Festival Canção RTP 2019
Festival Canção RTP 2019

Candidaturas para o Festival da Canção RTP de 2019 têm participação livre

O próximo Festival da Canção da RTP vai ter um modelo igual ao anterior, com convites dirigidos a 14 compositores de várias áreas musicais. Mas há uma vaga para uma participação livre.

Depois de dois anos em que fomos de “campeões” da Eurovisão, com Salvador Sobral, a último lugar, sem qualquer ponto, como O Jardim de Cláudia Pascoal e Isaura (um feito inédito), procura-se uma música que não nos deixe ficar mal em Televaviv, onde decorre o festival.

Além dos convites directos feitos a músicos e letristas, que depois têm de escolher os intérpretes, há dois wild cards, como aconteceu em 2018. O total de temas a concurso será de 16, menos dois que este ano.

Os dois wild cards (ou seja, participações que fogem ao modelo de convites directos) têm características diferentes. Um deles será seleccionado através do programa de rádio Master Class da Antena 1, até dia 31 de Outubro.

A última vaga do Festival da Canção será ocupada por uma candidatura espontânea, ou seja, de qualquer pessoa que tenha uma ideia para um tema, seja português, ou não, mas que tenha residência em Portugal.

A livre submissão de canções deve ser feita até 31 de Outubro, em MP3 ou WAV pelo email [email protected]. O ficheiro de áudio deve ser acompanhado pelos dados co concorrente: nome completo, nacionalidade, residência, data de nascimento e número telefone.

As maquetas de todos os temas (sem contar com os dois wild cards) devem ser enviadas para a RTP até 30 de Novembro, em formato MP3 ou WAV. A gravação final em estúdio e com todos os arranjos terá de ser entregue até 31 de Dezembro.

Em qualquer caso, a duração máxima que cada canção deve ter é de três minutos e não é obrigatório que sejam em português.

O regulamento completo do Festival RTP da Canção de 2019 pode ser visto aqui.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].