Kino 2017: mostra de cinema alemão com sessões em Lisboa, Porto e Coimbra

Lisboa, Coimbra e Porto recebem a edição de 2017 da Kino – Mostra de Cinema de Expressão Alemã. O filme que marca a abertura este ano é Fukushima, Meu Amor.

Ao longo de dezasseis dias, a Kino vai exibir dezoito longas-metragens e duas sessões de curtas-metragens em três cidades portuguesas.

Além dos filmes alemães, que dominam a mostra, os interessados vão poder ver três filmes austríacos, um suíço e um luxemburguês, em sessões que vão ser «apresentadas pelas embaixadas dos respetivos países», sublinha a organização.

O filme que dá o “pontapé de saída” da Kino 2017 é Fukushima, Meu Amor, realizado por Doris Dörrie, uma longa metragem que se estreou na Berlinale do ano passado.

A história fala sobre Marie, «uma jovem alemã que viaja para o Japão numa tentativa de fuga de sonhos desfeitos, para se associar a uma organização de ajuda às vítimas da catástrofe» nuclear que aconteceu em Fukushima no ano de 2011.


Veja o vídeo no canal de YouTube do TRENDY.


Além dos filmes de realizadores conceituados, a Kino 2017 volta a promover o programa Novas Perspetivas, criada na edição passada e cujo objetivo é «dar a conhecer as primeiras obras de jovens realizadores», sejam elas filmes (curtas ou longas metragens) ou documentários.

Aqui ficam as datas e os locais por onde vai passar o Kino 2017. O programa completo pode ser visto no site do Goethe-Institut.

Lisboa, 19 – 24 de Janeiro: Cinema São Jorge (bilhetes a 4 euros)
Porto, 26 – 29 de Janeiro: Teatro Municipal Rivoli e Cinema Passos Manuel (bilhetes a 3,5 euros)
Coimbra, 1 – 3 de Fevereiro: Teatro Académico Gil Vicente (bilhetes a 3,5 euros)

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].