Filmin: conheça o Netflix português!

por • 23 Novembro, 2016 • CinemaComentários fechados em Filmin: conheça o Netflix português!1521

Já com presenças em Espanha e México, a Filmin é uma plataforma de video on demand onde o catálogo é essencialmente composto por filmes independentes. Mas não só…

A colecção e a diversidade de conteúdos apresentada pelo Filmin pode não ser igual (nem de perto, nem, de longe) à do Netflix, mas é, sem dúvida um bom começo. Nascida de uma «iniciativa de colaboração e diálogo entre os operadores cinematográficos portugueses, críticos, festivais e instituições culturais nacionais e internacionais», esta plataforma está disponível a partir de qualquer browser Web.

O essencial do catálogo da Filmin são as produções independentes, mas os fãs de cinema vão também ter acesso a filmes como O Comboio das 3 e 10, Persepólis ou a trilogia portuguesa As Mil e Uma Noites, de Miguel Gomes.

Actualmente, a Filmin conta com catorze categorias de cinema, onde também há duas dedicadas à música: Film-in-Music (com concertos aos vivo) e Música Clássica. Em destaque, neste momento, estão as colecções Western Moderno e outras que reúnem filmes de Jim Jarmusch e Luchino Visconti.

Quem quiser ter acesso a esta nova plataforma de cinema nacional tem de pagar uma mensalidade fixa de 6,95 euros, que pode ser pago com cartão de crédito ou através de PayPal. A subscrição (que tem renovação automática) poderá ser cancelada em qualquer momento, tal como na Netflix, na área da conta de utilizador.

Além desta modalidade de pagamento, o Filmin também como uma plataforma de aluguer de filmes. Para aceder a esta colecção, basta ir à secção ‘Premier’ onde, por 3,95 euros, será possível ver Cartas da Guerra (o filme sobre a vida de Lobo Antunes, realizado por Ivo M. Ferreira), Histórias de Bairro (Samuel Benchetrit) ou Os Dois Amigos (Louis Garrel). Aqui ficam sempre as mais recentes novidades da Filmin.

Quando aluga um filme, o utilizador tem 72 horas para o ver a partir do momento em que clica em ‘Play’. Contudo, os filmes que fizerem parte da nossa subscrição de 6,95 euros podem ser vistos de forma ilimitada.

Esta plataforma mostra ainda os filmes que vai ter em breve no seu catálogo, com as respectivas datas de estreia. A ideia, de acordo com os fundadores, não é apostar na quantidade, mas sim na qualidade: «O número de filmes vai crescendo constantemente, embora a nossa ideia é a de oferecer um número limitado de títulos de reconhecido valor: filmes premiados, prestigiados e que certamente não te vão deixar indiferente».

Todos os conteúdos do catálogo estão disponíveis com o áudio da versão original e com legendas em português. Para ver os filmes, a Filmin recomenda o browser Google Chrome e avisa para o facto de ter o Adobe Flash actualizado, já que é sobre esta tecnologia que corre o player da plataforma.

Fora do computador (Windows, Luinux ou macOS), pode ser usada a app gratuita para tablets e smartphones iOS (iPhone, iPad) e Android.