Como remover vírus e malware do Mac

Hoje explicamos-lhe como remover vírus e malware do Mac. É um facto que tantos problemas de vírus ou de malware são muito pouco comuns nos aparelhos Mac. Contudo, podem acontecer, sobretudo problemas de malware com scripts maliciosos. Por isso mesmo, saiba como actuar caso esteja, agora, a passar por esta situação. Se não foi este o caso, confira o que deverá fazer, se um dia tal ocorrer – e aqui está um guia completo, ora veja:

  • Passo 1: Para começar, se detetar algum vírus ou malware, não faça qualquer uso do Mac, sobretudo evite fazer compras online ou digitar emails e palavras-chave. Se o vírus ou malware já está no Mac, deverá começar por consultar “Todos os processos” do monitor, de modo a impedir que se propague, encerrando a sua atividade. Depois selecione a aplicação da Apple que lhe poderá ajudar a eliminar o inimigo. Uma vez selecionada a app., encerre-a, para terminar de imediato com o processo.
  • Passo 2: Posto isto, vá às “Preferências do Sistema” e remova, de vez, a aplicação danosa. Certifique-se de que a aplicação é efetivamente removida. Ou seja, não basta enviar os seus acessos para o lixo ou apagar o atalho. Tem mesmo de a apagar do Mac definitivamente.

Se isto não funcionou é porque o problema é mais grave o OSX já foi corrompido. São más notícias, mas ainda há esperança. E se não tiver nenhum programa de apoio contra vírus e/ou malwares instalados, o nosso conselho é que consulte diretamente um técnico especializado em Mac para lhe ajudar. Além de eliminar o virus ou malware em questão, um técnico qualificado certificar-se-á de que o sistema e os seus ficheiros não são corrompidos e ainda conseguirá recuperá-los.

Mais vale prevenir do que remediar

Embora sejam extremamente raros, os utilizadores de Mac não estão livres de problemas de vírus e malware nos seus dispositivos como já viu. Assim sendo, o melhor mesmo é remediar para que estes não aconteçam – até porque, como pôde ver, pelo facto de serem extremamente raros, muitas vezes, transformam-se num problema maior, que pode causar grandes danos.

Eis, então, alguns conselhos e dicas de segurança para o bom uso do Mac:

  1. Apagar o cache do navegador da Internet que usa com frequência;
  2. Evitar arquivos Flash ou Java;
  3. Manter o Mac atualizado, instalando a última versão do aparelho, que todos os anos é lançada pela Apple;
  4. Realizar backups regularmente;
  5. Usar apenas redes WiFi seguras;
  6. O mesmo se aplica aos sites que visita e aos downloads que faz;
  7. Definir passwords fortes e mudá-las com alguma frequência;
  8. Dispensar a opção de login automático;
  9. Desativar o Acesso Remoto Para MacOS, de modo a que terceiros mal intencionados tenham acesso à sua conta e respetivos dados de acesso;
  10. Verificar periodicamente as aplicações que podem que pode ter acesso aos seus dados – pode configurar os seus acessos na aba “Privacidade”, das “Preferências do Sistema” do Mac.

Não se esqueça: prevenir é mesmo o melhor remédio!