Uber Eats ©Charles Deluvio
Uber Eats ©Charles Deluvio

Uber abre mercearia e quer por os motoristas de TVDE a fazer entregas de compras de supermercado

A Uber Portugal prepara-se para fazer uma grande mudança na sua operação. A plataforma de TVDE quer por os motoristas e fazer entregas de compras e quer abrir uma mercearia.

Com a declaração do Estado de Emergência Nacional, devido ao surto do SASR-CoV-19 e do consequente isolamento social, as plataformas de TVDE sofreram com a quebra de viagens e estará na altura de pensar em alternativas para manter o negócio activo.

Segundo o ECO, a Uber Portugal prepara-se para «pôr os motoristas de passageiros a fazerem entregas de compras ao domicílio». Esta é uma das soluções que a empresa encontrou para contraria a «quebra do volume de viagens».

Mudanças na Uber não têm data de estreia nas apps

Ao que o ECO conseguiu apurar, esta funcionalidade já tem nome: Uber Drop-Off. «A ideia não é os utilizadores pedirem ao motorista para que recolha as compras num determinado hipermercado, mas sim que sejam as próprias retalhistas a solicitar à Uber o transporte das compras até à casa de um cliente», explica o site.

A outra ideia a disponibilização de «produtos de mercearia através da aplicação Uber Eats». Estas será uma aproximação desta plataforma ao modelo usado pela Glovo desde que chegou a Portugal, onde se podem fazer compras de supermercado, em lojas de tecnologia e em farmácias, por exemplo.

Para já, ainda não se sabe quando é que estas medidas entrem em acção, já que a empresa não se quis comprometer com datas. O artigo do ECO que explica com mais detalhes os contornos desta mudança na Uber e Uber Eats pode ser lido aqui.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].