©Chicco Ajuda SNS

Chicco vai doar todo o stock de intercomunicadores com câmara para ajudar a combater a COVID-19

por • 23 Março, 2020 • COVID-19Comentários fechados em Chicco vai doar todo o stock de intercomunicadores com câmara para ajudar a combater a COVID-19714

A ajuda das empresas aos hospitais e unidades de saúde tem crescido de dia para dia. Depois de várias se disponibilizarem para fazer máscaras, batas e desinfectante, a Chicco anuncia a doação de intercomunicadores.

A Chicco costuma fazer várias acções solidárias em Portugal – a iniciativa Chicco Dá Vida será a mais conhecida – e em plena crise provocada pelo surto do vírus SARS-CoV-19 a empresa anunciou uma doação de equipamentos para ajudar o médicos e enfermeiros de todo o País.

Em causa está a doação a totalidade do stock de intercomunicadores com e sem câmara, aparelhos que normalmente são usados pelos pais para controlarem os seus bebés, nos quartos. Ao todo a Chicco tem «mais de 750» equipamentos destes, distribuídos por três versões

Os modelos disponíveis para doação são o Baby Monitor Deluxe (câmara e duas-vias de comunicação), o Baby Monitor Smart (câmara e uma via de comunicação) e o Baby Monitor Audio First Dreams (come ecrã táctil e duas-vias de comunicação). Os três intercomunicadores vão servir para que o pessoal médico contacte entre si e com pacientes, para evitar contacto presencial.

Hospitais têm de fazer o pedido de intercomunicadores à Chicco

«Neste momento, todos os esforços para ajudar os profissionais de saúde no combate à COVID-19 são importantes. Para conseguir chegar da forma mais rápida e alargada possível, a Chicco criou uma linha de apoio directo aos Hospitais e Unidades de Saúde que, neste momento, possam necessitar de intercomunicadores para as suas Unidades», diz a marca.

Os hospitais e unidades de saúde de todo o País que precisarem destes três equipamentos podem fazer o pedido pelo email [email protected] com as seguintes indicações:

– quantidade de intercomunicadores de que necessita;
– modelo da sua preferência e alternativa em caso de falta de stock;
– Unidade de Saúde que irá receber;
– pessoa de contacto (nome e contacto telefónico) para entrega dos mesmos.

A Chicco vai, depois, avaliar os pedidos e responsabiliza-se pelas entregas em todo o território nacional, inclusive na Madeira e nos Açores (na ilha de São Miguel).