O restaurante Páteo tem um Cozido à Portuguesa à vontade do freguês: os ingredientes podem ser ajustados, como mais carnes ou vegetais, conforme os gostos.

Fazer com Cozido à Portuguesa com fruta não é muito habitual - a Casa da Comida propõe juntar uma Pêra Rocha aos enchidos, à carne e às couves.

Os dois restaurantes KOB (Porto e Lisboa) começaram a servir Cozido à Portuguesa ao Sábado e Domingo. Depois de José Avillez, é Olivier a promover o prato mais típico da gastronomia nacional.

O Cozido à Portuguesa passa a ser o prato em destaque no Bairro do Avillez, aos fins-de-semana. Quem não quiser sair de casa, também pode pedir pela Uber Eats.

Segundo o José Avillez o conceito deste restaurante é o de parecer uma casa tradicional portuguesa, com um «ambiente caloroso e um cheirinho a alecrim», tal como no fado de Amália Rodrigues.

Estes pratos vão estar disponíveis apenas nos «hotéis Vila Galé de quatro estrelas em Portugal, excepto no Porto Ribeira», salvaguardam os responsáveis.

Com o frio do Inverno a chegar a temperaturas baixas, um Cozido à Portuguesa acompanhado de num bom vinho tinto pode fazer milagres, na Tasca da Esquina.

Dominado pelo empilhamento de vários contentores marítimos, que estão transformados em escritórios, este espaço do Museu da Carris tem um restaurante bastante curioso.