Cera nos ouvidos: devemos ou não usar cotonetes?

A cera é um elemento vital para a saúde dos ouvidos. Mas será por isso que não a devemos mesmo limpar com uma cotonete?.

Por mais estranha que possa ser esta afirmação, a verdade essa mesmo. Por isso, como diz lembra Alexandra Marinho, audiologista da GAES – Centros Auditivos de Portugal, «limpar os ouvidos com cotonetes não deveria ser parte da rotina».

Em vez de limpar os ouvidos, o que as cotonetes fazem é «empurrar a cera para dentro» o que a leva a colar-se «junto ao tímpano».

Segundo a audiologista do GAES, o resultado leva a que a membrana timpânica deixe de vibrar correctamente, o que pode provocar uma perda da capacidade auditiva.

«A forma mais correta de limpar os ouvidos é lavá-los com água durante a higiene diária e secá-los, logo a seguir, com uma toalha», esclarece Alexandra Marinho.

A cera é, aliás, benéfica para os ouvidos numa série de formas. Por exemplo, protege os ouvidos contra a entrada de insectos, pós e pele morta, tem propriedades ácidas que impedem o crescimento de fungos e lubrifica o canal auditivo.

A regra é simples: «Nunca colocar dentro do ouvido nada que seja mais pequeno que o seu cotovelo», alerta Alexandra Marinho. O uso de cotonetes deve, assim, ficar reservado para a área externa dos ouvidos.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].