O objectivo é liga cidadãos e empresas a instituições de solidariedade, para a oferta de bens e serviços. Roupa, móveis, electrodomésticos e voluntariado são algumas das opções.

A Porto Editora anunciou hoje os resultados da votação que elegeu a palavra do ano em 2017. No pódio ficaram 'afeto' (20%) e 'floresta' (14%).