©VanBox
©VanBox

Vanbox: as novas autocaravanas urbanas para duas pessoas que chegam a qualquer lado

Pelo menos, onde pode ser mais complicado levar uma autocaravana de maiores dimensões. O objectivo da Vanbox é dar mais liberdade a quem quer passar férias em… movimento.

Alugar uma autocaravana e percorrer Portugal em busca de sítios mais desconhecidos e tranquilos pode ser o melhor plano de férias para este Verão. Yescapa e Hostel On Wheels têm soluções tradicionais, mas agora há uma nova empresa que pode ser uma alternativa.

Com base em carrinhas Renault Kangoo Maxi transformadas, a Vanbox é uma nova startup portuguesa que quer «revolucionar o turismo sobre rodas». Estes veículos têm “apenas” 4,6 metros contra os quase 6 de uma Fiat Ducato, um modelo clássico de caravana, usado por exemplo, pela Hostel On Wheels.

Renault Kangoo Maxi têm cozinha com fogão e geladeira

As dimensões mais compactas da Renault Kangoo Maxi são uma vantagem para a Vanbox: «Chegam a qualquer lado, têm maior mobilidade, segurança e liberdade associadas a um baixo consumo», sublinham Pedro Ferreira e Cláudia Patrício, os fundadores da startup.

Por serem mais pequenas, as Renault Kangoo Maxi da Vanbox não têm as comodidades de uma autocaranava maior – desde logo, a lotação máxima é de duas pessoas. Ainda assim, na “caixa” está um sofá com mesa que se transforma em cama e ainda numa «cozinha equipada com fogão, geleira eléctrica e todos os utensílios indispensáveis à preparação de refeições».

©VanBox

Preços de aluguer das Vanbox começam nos 45 euros/dia

Além disso há ar condicionado, portas USB, quatro tomadas, extintor, kit de primeiros socorros, um kit de lavagem (chuveiro exterior e lava loiças) e um tanque de água de doze litros. A isto juntam-se a possibilidade de adicionar seguros e outros equipamentos como uma torradeira, aquecedor eléctrico, uma mesa para usar no exterior e até mesmo pranchas de surf.

Para fazer a reserva de uma Vanbox (estão disponíveis em cinco cores), basta aceder ao site da empresa e escolher os dias, tendo em conta o tipo de época: alta, média e baixa. Os preços começam nos 45 euros/dia.

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].