Filme de Scorsese sobre padres jesuítas portugueses na corrida aos Óscares

Chama-se Silêncio e será o próximo filme de Martin Scorsese a chegar ao cinema: em Portugal estreia a 29 de Dezembro.

Em stand-by durante quase vinte anos, Silêncio esteve nos planos de Scorcese mas nunca conseguiu ver a luz do dia… até agora. O filme está quase pronto e estreia nos EUA a 23 de Dezembro – a Portugal chega uma semana depois.

Baseado no romance homónimo do escritor japonês Shusaku Endo (1923-1996), o filme acompanha padres jesuítas portugueses do século XVII perseguidos durante a sua missão no Japão. Com esta estreia mesmo no final do ano, Scorsese pode conseguir entrar na corrida para os Óscares.

Silêncio é indicado como o terceiro filmes de uma «espécie de trilogia espiritual» de Scorsese que começou com A Última Tentação de Cristo (1988), a que se seguiu Kundun (1998).

Liam Neeson (Padre Cristóvão Ferreira), Adam Driver (Francisco Garrpe), Andrew Garfield (Padre Sebastião Rodrigues) são os protagonistas, que seguem o guião de Jay Cocks, um argumentista que já tinha trabalhado com Martin Scorsese em Gangues de Nova Iorque e A Idade da Inocência.

Se o realizador conseguir ver o seu filme nos Óscares, esta será a sua 13.ª nomeação; contudo, Scorsese só por uma vez levou para casa a estatueta de melhor realizador com
Os Infiltrados (2006).

Ricardo Durand
Começou no jornalismo de tecnologias em 2005 e tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil e praias selvagens do Alentejo. É editor do site Trendy e faz regularmente viagens pelo País em busca dos melhores spots para fazer surf. Pode falar com ele pelo e-mail [email protected].