Depois da ginja e do vermute, a Lemos Figueiredo começou agora a usar fruta feia para criar um gin, o Casanova.

Durou dois anos, mas aí está a notícia aguardada por muitos lisboetas que adoram doces conventuais (e não só).