Icon Shop

"Trio de ataque" de marcas portuguesas juntam-se na Icon Shop em Lisboa

por • 17 Fevereiro, 2017 • Made in Portugal 🇵🇹Comentários fechados em "Trio de ataque" de marcas portuguesas juntam-se na Icon Shop em Lisboa538

Três marcas portuguesas reuniram-se para abrir uma loja pop-up em Lisboa que, como é habitual neste tipo de conceito, já tem data de fecho programada.

Aberta desde o início desta semana, a Icon Shop tem à venda roupa e acessórios de três marcas portuguesas em que alguns produtos se destacam por serem feitos à mão (‘handmade’); aliás, este é um dos claims da loja, juntamente com ‘high quality’ e ‘portuguese design’.

Uma das outras pedras de toque das três marcas que podem ser encontradas na Icon Shop é o facto de todas terem sido criadas por mulheres.

«A Näz, a Harper e a Mazurca coadunam-se num espaço onde o nacional e o feminino são celebrados entre peças e acessórios cujo foco é a qualidade e a versatilidade, apresentando então ao público opções de moda mais sustentáveis e slow», diz Cristiana Costa, da Näz, e que nos deu a conhecer a Icon Shop.

A loja está de portas abertas (10:30 às 19:30) na Rua Nova da Trindade, 6B, mesmo em frente ao edifício do Theatro Gymnasio, que hoje é galeria comercial Espaço Chiado. Dia 27 de Fevereiro será o último dia me que vai poder comprar artigos destas marcas portuguesas:


Näz

Naz
A designer Cristiana Costa defende que a «sustentabilidade e o comércio justo não deveriam ser considerados luxos mas sim opções» e que a moda «sustentável não precisa de ser aborrecida nem economicamente impossível».

Foi isto que a levou a criar a Näz, onde as peças se caracterizam pelo seu «design minimalista, contemporâneo e democrático, de cortes simples e intemporais», mas «sempre com atenção às mais recentes tendências».

As matérias-primas usadas por Cristiana Costa são tecidos nacionais «muitos deles provenientes de excedentes de produção de pequenas fábricas, bem como de origem natural». Entre estes estão linho, lã, cupro e algodão.


Mazurca

Mazurca
Depois de alguns anos no mundo da biologia, Sara Mazurca achou que estava na altura de mudar. De cientista passou a estilista e fundou a Mazurca, uma marca que «tenta contrariar as tendências actuais de consumismo rápido inconsciente».

Ao contrário disso, a marca segue mais o conceito slow-fashion e usa «tecidos de origem natural» estampados de «forma manual utilizando a gravura em linóleo e o stencil».

Com um design minimalista de inspiração nipónica e que se cola à Natureza, os materiais preferidos de Sara Mazurca são o linho, o burel, o algodão e a juta.


Harper

Harper
Calçado feito à mão? Sim: foi esta a ideia de Monika e Catarina que levou à criação da Harper, uma marca que «se inspira na mulher urbana, que, com personalidade e independência, rompe os moldes da sociedade e cria o seu próprio caminho».

Os «altos padrões de qualidade e conforto», a «exclusividade» e o «bom gosto» são os principais predicados do calçado feito à mão da Harper.

Artigos Relacionados