Moonlight

10 filmes com potencial para ganhar Óscares em 2017

por • 26 Outubro, 2016 • Cinema 🎥Comentários fechados em 10 filmes com potencial para ganhar Óscares em 2017776

A época de prémios da sétima arte ainda pode estar a uns bons meses de distância, mas já há apostas a decorrer. Mais vale começar já a preparar a lista e ir anotando a data de estreia de alguns destes títulos, mesmo os de que não devem vir para Portugal tão cedo…

A cerimónia dos Óscares que vão ser atribuídos aos melhores filmes de 2016 já tem data marcada: será a 26 de Fevereiro de 2017 no Dolby Theatre, em Hollywood.

Entre os dez filmes que lhe damos a conhecer com potencial para levar para casa algumas estatuetas douradas há alguns realizadores com créditos já firmados na Meca do Cinema, como Scorsese e Ang Lee, mas alguns que também procuram o estrelato, como Denzel Washington que, com Fences, passou para trás das câmaras.


Moonlight

moonlight
De vez em quando, há um filme indie que suscita a curiosidade e conquista uma legião de fãs. Moonlight tem muito desse potencial para a época de prémios, muito graças à história forte. Moonlight, com realização de Barry Jenkins, conta a história de Chiron, desde a infância até à idade adulta. Trata-se de uma história de descoberta, dividida em três partes, que acompanha a vida do protagonista, um homem negro homossexual, num bairro de Miami.

O filme já estreou nos Estados Unidos, com resultados de bilheteira extremamente satisfatórios. A realização de Barry Jenkins tem sido nomeada para prémios em vários festivais, como o Festival de Cinema em Londres ou o Festival Internacional de Toronto.
Apostas: Nomeação para Melhor Realizador e, talvez, Melhor Filme.
Realizador: Barry Jenkins
Estreia: 21 de Outubro (EUA) – dados IMDB. Actualização: estreia em Portugal a 2 de Fevereiro.


Loving

Loving
Se há coisa que costuma correr bem nos circuitos dos grandes prémios cinematográficos são enredos baseados em casos verídicos. Vimo-lo com Spotlight, Um Sonho Possível, O Discurso do Rei e por aí fora. Loving é baseado na história da prisão de um homem branco, Richard Loving, e de uma mulher negra, Mildred Jeter, em 1958, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos.

O caso chegou ao Supremo Tribunal norte-americano, algo que é retratado no filme, assim como o contexto de relação inter-racial numa época de tensão racial.
Apostas: Melhor Realizador para Jeff Nichols.
Realizador: Jeff Nichols
Estreia: 4 de Novembro (EUA) – dados IMDB.


Arrival

Arrival
Já vimos Amy Adams em quase todos os géneros – agora é o tempo da ficção científica. Arrival é um filme sobre uma invasão alienígena, em que Adams desempenha o papel da linguista encarregue de comunicar com os aliens, recrutada pelos militares. A acompanhar no elenco, há ainda Jeremy Renner e Forest Whitaker. De acordo com a crítica, não se trata de um género à la Independence Day, com alguns travos de drama à mistura. Por cá, o filme vai chamar-se O Primeiro Encontro.
Apostas? Amy Adams para Melhor Actriz e Melhor Actor Secundário para Jeremy Renner.
Realizador: Denis Villeneuve
Estreia: 10 de Novembro (Portugal) – dados Filmspot.


Jackie

Estreia: 2 de Dezembro
Jackie
Outro filme com vida real à mistura. Natalie Portman passa para o grande ecrã a vida de Jacqueline Kennedy, depois da morte de John F. Kennedy, em 1963. Não é a primeira vez que se tenta o retrato da vida de Jackie O, um ícone de estilo do século XX – mas com Portman tudo parece bem mais promissor. Principalmente depois de termos visto O Cisne Negro e saber a performance e dimensão que a actriz consegue dar a qualquer papel…
Apostas? Nomeação para Melhor Actriz de Natalie Portman
Realizador: Pablo Larrain
Estreia: 2 de Dezembro (EUA) – dados IMDB.


Lion

Lion
Dev Patel, que já conhecemos de outras andanças como Slumdog Millionaire, dá vida a um jovem indiano com uma história dramática. Aos cinco anos, Saroo perde-se nas estradas de Calcutá, a vários quilómetros de casa. Sobrevive e é adoptado por uma família australiana. Passados 25 anos, parte em busca da sua família perdida, o que parece justificar o título em português deste filme: A Longa Viagem Para Casa. O elenco conta com Nicole Kidman, David Wenham e Rooney Mara – esta última, nomeada na edição dos Óscares deste ano, para o prémio de Melhor Actriz Secundária.
Apostas: Melhor Realizador para Garth Davis ou Melhor Actor para Dev Patel.
Realizador: Pablo Larrain
Estreia: 8 de Dezembro (Portugal) – dados Filmspot.


Silence

Silence
Este filme de Scorsese esteve em stand-by durante quase vinte anos, mas parece ter um futuro promissor no mundo do cinema. Ter Scorsese já é, só d si, de respeito. Baseado no romance homónimo do escritor japonês Shusaku Endo (1923-1996), o filme acompanha padres jesuítas portugueses do século XVII perseguidos durante a sua missão no Japão. Com esta estreia mesmo no final do ano, Scorsese pode conseguir entrar na corrida para os Óscares… Há Liam Neeson no principal papel, Andrew Garfield e Adam Driver.
Apostas: Melhor filme, realizador e interpretações de Liam Neeson ou Andrew Garfield.
Realizador: Martin Scorsese
Estreia: 29 de Dezembro (Portugal) – dados Filmspot.


Manchester by the Sea

Manchester By The Sea
Um drama que retrata a história de Lee Chandler, interpretado por Casey Affleck, um tio que regressa ao seu local de infância após a morte do irmão. Lee foi nomeado como o único guardião do sobrinho, numa história que retrata a forma como os dois têm de lidar com a morte. O elenco conta ainda com Michelle Williams, que interpreta a ex-mulher de Lee.
Apostas: Melhor Argumento para Kenneth Lonergan e interpretações de Casey Affleck e Michelle Williams.
Realizador: Kenneth Lonergan
Estreia: 18 de Novembro (EUA) – dados IMDB.


La La Land

La La Land
Desde o genial e irrequieto Whiplash que Hollywood tem andado sossegadinho em relação a películas mais musicais. La La Land promete misturar romance com musical (uma verdadeira Melodia de Amor, como será conhecido em Portugal), com Emma Stone e Ryan Gosling – que vai cantar (?). A história é simples e clássica: dois artistas que se apaixonam enquanto tentam construir uma carreira. Já ganhou um prémio do Festival de Toronto e um People’s Choice Award. Emma Stone já ganhou o prémio de Melhor Actriz no Festival de Veneza.
Apostas: semelhantes aos dos prémios que já conquistou
Realizador: Damien Chazelle
Estreia: 26 de Janeiro (Portugal) – dados Filmspot.


Fences

Fences
Denzel Washington passou para o lado da realização, nesta adaptação da peça Fences, de 1983, de August Wilson. O autor foi mesmo responsável pela adaptação do argumento, que tem Viola Davis e Denzel Washington nos principais papéis. Passado em 1950, em Pittsburgh, retrata a história de Troy, um jogador de baseball que luta para sustentar a sua família. Se a peça venceu um Pullitzer e um Tony Award… metade do trabalho para ser um bom filme já está feito.
Apostas? Claramente algo nos categorias de Melhor Actor e Actriz Principal e Melhor Argumento Adaptado.
Realizador: Denzel Washington
Estreia: 9 de Fevereiro (Portugal) – dados Filmspot.


Billy Lynn’s Long Halftime Walk

Billy Lynn's Long Halftime Walk
Ang Lee habituou-nos a coisas boas: A Vida de Pi, por exemplo, que tem tanto de belo como de ligeiramente surreal. O realizador está de volta com esta história baseada também num livro, escrito por Ben Fountain, que retrata a vida de um soldado de 19 anos, que se torna um herói durante a Guerra do Iraque. Kristen Stewart está no elenco e já aprendemos no ano passado, com O Meu Nome é Alice, que a menina de Twilight tem mais para mostrar.
Apostas: Melhor Realizador, provavelmente, e quem sabe Melhor Actor para o estreante Joe Alwyn.
Realizador: Ang Lee
Estreia: 2 de Março (Portugal) – dados Filmspot.

Artigos Relacionados